Sua Loja Virtual Precisa de um Contrato com os Correios


contrato com os correios

Se você tem uma loja virtual, já está vendendo e está utilizando os correios para enviar seus pedidos, deve começar a avaliar o momento de assinar um contrato com os correios.

Os Correios possuem algumas vantagens e serviços exclusivos para ecommerces, são diferenciais que você pode agregar a sua operação de ecommerce assinando um contrato com os correios.

Alguns benefícios de clientes com contrato são:

  • preços mais baixos, em média 30% menos que a tabela das agências dos correios,
  • acesso ao serviço de logística reversa que vai te ajudar nas trocas e devoluções da sua loja virtual,
  • pagamento faturado com prazo de até 40 dias
  • usar a modalidade E-sedex que é uma modalidade do sedex exclusiva para ecommerce.

Acima eu falei que você deve avaliar o seu momento de assinar o contrato, porque no contrato você terá valores mínimos de faturamento, ou seja, você terá que pagar o valor mínimo por modalidade, mesmo que não gaste o suficiente no mês.

Atualmente os valores mínimos são:

  • R$ 200 em envios por Pac,
  • R$ 200 em envios por Sedex,
  • R$ 1.700 em envios por ECOMMERCE1 (substituto E-sedex).

Avalie quanto você gasta atualmente e veja se vale a pena contratar já os correios.

Recomendo que você procure os Correios para assinar um contrato quando chegar a uma média acima de 5 pedidos por dia, é um bom momento.

contrato com os correios

Como Assinar o Contrato com os Correios

Infelizmente o atendimento não é o ponto forte dos Correios, portanto, você vai precisar de um pouco de paciência e persistência para conseguir seu contrato.

Faça o seguinte:

Vá até uma agência e informar seu interesse ao gerente da agência, o procedimento padrão passar a ele os dados da sua empresa.

O Gerente vai repassar seus dados para um gerente de contas fazer contato com você.

Eu sugiro que você passe seus dados para ele, mas também pegue o contato dele para “ficar cobrando”, caso não tenha retorno.

Em caso de muita demora tente o contato novamente, só que em outra agência.

Uma Alternativa é tentar o contato via Site dos Correios (geralmente não funciona) mas não custa tentar, o link é esse aqui.

Em breve um gerente de contas vai entrar em contato com você pedindo uma série de documentos que irão para Brasília.

Alguns Requisitos:

  • É preciso ter Cnpj e Contrato Social Atualizado
  • Documentos da Empresa e dos Sócios
  • Faturamento da Empresa assinado pelo contador, últimos 12 meses.
  • Só para ressaltar, é feito análise de crédito, caso a empresa ou os sócios tenham restrições, os Correios não aprovam o contrato.
  • Para o E-sedex é preciso comprovar que tem um site de vendas na internet com domínio próprio.  Os Correios exigem também, que o domínio esteja no nome da empresa ou de um dos sócios que constam no contrato social.

Tudo irá para Brasília, será analisado (vai demorar uns 30 dias) e depois disso o seu gerente de contas lhe enviará o contrato mais alguns anexos para serem assinados e devolvidos para Brasília. (Mais uns 15 dias)

Depois disso o processo é finalizado, seu cadastro é liberado no sistema e seu gerente de contas vai lhe passar o seu Cartão de Postagem. Todo o Processo leva de 30 a 60 dias, depende da sua velocidade de cumprir com as exigências e solicitações deles e também na sua insistência em “ficar cobrando e insistindo na agilidade”.

Problemas comuns dos Correios

Os correios têm problemas que são naturais para uma operação do porte deles, que entrega mais de 500 mil pacotes por dia. Problemas como atrasos, extravios, roubos ao carteiro são meio que “comuns”, aprenda a lidar com isso.

O pior problema dos correios é o risco de greve, isso geralmente acontece uma vez por ano (entre setembro e outubro), quando o sindicato está negociando aumento anual com o governo. É sempre um momento delicado, o serviço fica prejudicado, geralmente o E-sedex é suspenso e as vendas no E-commerce podem sofrer queda.

Quando você enfrentar uma greve, procure comunicar seu cliente que as atividades dos correios não param, sempre é mantido um percentual de trabalhadores (em torno de 70%,) seja criativo e se comunique com seus clientes nesses momentos de crise para não perder vendas.

Alternativas aos Correios

O mercado de logística especializado em comércio eletrônico no Brasil evoluiu um pouco, atualmente existem boas opções de alternativas aos Correios.

O problema é que nenhuma delas trabalha com varejo, somente atendimento corporativo mesmo (com contrato), não é viável contratá-las somente em um momento de greve.

Se sua loja virtual ainda é pequena, eu sugiro que foque nos Correios, esses operadores logísticos não aceitam clientes com menos de 50 pedidos por dia, para eles não é viável atingir essa faixa de mercado. A partir de 50 / 100 pedidos por dia, você já pode tentar uma alternativa aos correios.

Se você tem curiosidade em conhecer essas alternativas eu sugiro que você conheça a Direct e a Total Express.

* Artigo original de 14/ago/15 – Atualizado em 27/abr/2017

Comentários

  1. diz

    Sua informação sobre os valores para se conseguir contrato e ter acesso ao E-SEDEX está equivocada. O valor mensal para este serviço é de R$ 4 MIL REAIS MENSAIS EM ENVIOS.

  2. diz

    sobre a pessoa que escreveu o artigo, também escreveu a frase da apresentação errado “””exclsuvido””””??// o que é isso, uma das regras básicas é ler o que está escrevendo.

  3. Eliana diz

    Não importa se escreveu certo ou errado. Equívocos acontecem, temos que parar de ser chatos, mal educados e agradecer a informação dada que foi de espontânea vontade!!

    Agora uma pergunta:
    Equanto não temos contrato com o Correio existe uma fórmula para baratear o frete? Muitas vezes o preço do produto é atrativo, mas na hora que o cliente simula o frete acaba desistindo!

    Muito obrigada pelas informações.
    Ótimo dia a todos!

Trackbacks